+55 (49) 3541 3100
09 de Setembro de 2013
Projeto da empresa Bruno Industrial recebe cerca de 300 fotos

A entrega da premiação para a escola com maior número de participantes e aos alunos sorteados no Projeto Memórias em Fotos, aconteceu na última sexta-feira.

Organizadores do Projeto Memória em Fotos, iniciativa da empresa Bruno Industrial entregaram, na última sexta-feira (06), premiação do concurso que incentivou alunos da rede pública e privada participarem da iniciativa que propõem resgatar parte da história de Campos Novos, através de um documentário impresso que vai reunir em um único material, fotografias antigas do município. O Projeto foi lançado no início do mês de junho deste ano e durante, 30 dias todos os alunos puderam enviar fotos para participar do sorteio de três máquinas digitais. Já a escola com maior número de representantes, ganharia um computador.

As alunas Maria Eduarda Lorini, da E.E.B. Coronel Gasparino Zorzi; Helena Facks de Alencar, do Centro Educacional Potencial e Gabriela Cavichon, da E.E.B. Henrique Rupp Junior, foram sorteadas, conforme regras do regulamento do edital e cada uma recebeu uma câmara digital. A empresa Bruno Industrial recebeu aproximadamente 300 fotos, sendo que os alunos do Gasparino Zorzi foram os mais participativos, enviando no prazo, 99 fotos. Como incentivo, a escola recebeu um computador.

Durante a solenidade de entregue, representantes das escolas e as três alunas, foram recepcionados, na empresa, com coquetel. De acordo com a coordenadora do Projeto, Carolina Vieira Schaly, todas as fotos estão arquivadas para seleção daquelas que farão parte do foto livro. "Ainda estamos na fase de pesquisas, sem data para o lançamento do livro Memória em Fotos, mas acreditamos que ainda no primeiro semestre de 2014, o projeto estará finalizado", afirmou. Carolina lembrou que a iniciativa da empresa Bruno Industrial, surgiu da paixão do diretor geral, Arno Rui Schaly, pelas antiguidades e história que revelam o passado. A coordenadora agradeceu a participação de todas as escolas, observando que muitas fotos continuam chegando à empresa, porém, apenas aquelas enviadas durante o período determinado no edital, participaram do sorteio. "Queremos a participação das escolas, que também nos envie fotos históricas das instituições de ensino". As diretoras parabenizaram a iniciativa da empresa, classificando como uma ação plausível, o resgate da memória e da cultura de Campos Novos e, disponibilizaram o acervo das escolas para a empresa Bruno Industrial.

A diretora da Escola Gasparino Zorzi, Marilza Dall´oglio, reforçou a importância do projeto e confessou que a escola, por meio da professora, Joseane Salmória, realizou um trabalho com os alunos para realmente competir. "Esse era o objetivo, que nossa escola fosse a mais participativa e a vencedora". Ela acredita que a escola tem facilidade de fazer com que os alunos participem, porque todos os professores já trabalham com projetos voltados à cultura e resgate histórico.

Gisiane Agostini
Assessora de Imprensa e Comunicação