+55 (49) 3541 3100
07 de Agosto de 2014
É da Bruno Industrial o primeiro picador autopropelido fabricado no Brasil

Dedicados, comprometidos e afinados. Essas três palavras definem muito bem a equipe de colaboradores da empresa Bruno Industrial que, incansavelmente trabalharam para um resultado surpreendente e ainda, colocaram Campos Novos no cenário nacional, pois, é desse município que saiu o primeiro picador autopropelido fabricado no Brasil – o celeiro do agronegócio também é o celeiro da inovação. “A gente está preenchendo essa lacuna que até o momento, a única opção eram os produtos importados”, ressaltou o diretor presidente da Bruno Industrial, Arno Rui Schaly, referindo-se ao novo Picador Florestal. O novo equipamento tem características diferenciadas das máquinas já existentes no mercado brasileiro, é robusto de alta confiabilidade e de grande produtividade. O Picador possui recursos que facilitam a manutenção, com menor custo operacional.
O Picador Forest Predator não é uma conquista somente dos colaboradores da Bruno Industrial, mas de Campos Novos, uma cidade formada por cidadãos batalhadores, pessoas que elevam o nome de uma nação chamada Brasil. Segundo Arno Rui Schaly, foram 18 meses de muito trabalho. “O projeto foi pensado, repensado e discutido muito para o resultado final. Nossa equipe de profissionais se dedicou durante dias e noites e o resultado não poderia ser diferente, sucesso e venda garantida. Para conseguirmos concluir esse projeto, unimos a experiência de cada colaborador envolvido, são profissionais que trabalham desde o setor de engenharia até a fábrica”, enfatizou.
De acordo com Arno Rui Schaly a máquina foi testada por inúmeras vezes antes de seguir para o comprador. “Particularmente fico muito feliz pelo resultado, pois, foi o primeiro projeto que a gente fez, envolvendo tantos setores da empresa. Todos estão de parabéns, já que foi um trabalho bem exaustivo, mas feito com muito profissionalismo. Foi um projeto inovador”, reforçou o diretor presidente da Bruno Industrial. Cerca de 30 pessoas estiveram envolvidas na fabricação do picador, desde o projeto até os testes de finalização.
Devido ao valor de mercado atraente, comparando aos produtos importados, a equipe de vendas da Bruno fechou negócio há cerca de um mês e, nos próximos dias o cliente vai receber o primeiro Picador Forest Predator que já saiu de Campos Novos na semana passada e segue ao Centro Oeste do Brasil . “Nosso preço é bem competitivo e a gente espera nos próximos anos, com o crescente uso da biomassa, ter bastante sucesso com esse tipo de equipamento e assim, alavancar os setores que enfrentam crises nesse momento. Eu acredito em uma retomada, um crescimento econômico no país, com boas perspectivas para o próximo ano”, finaliza Arno Rui Schaly.
Lançamento
O Forest Predator foi lançado no mercado durante a Expoforest, evento que expõe máquinas, equipamentos, insumos e tecnologia voltada para a produção de madeira de florestas plantadas, única feira florestal dinâmica da América Latina. A Feira é uma das maiores exposições mundiais do setor - uma vitrine para as indústrias. A edição deste ano aconteceu no final do mês de maio.